segunda-feira, 9 de novembro de 2009

postulado






Eu quero uma tira de papel
do meu tamanho
um metro e sessenta
nele um poema
que grita
quando alguém passa
e grita em letras negras
a exigir o impossível
coragem cívica por exemplo
essa coragem que nenhum animal possui
compaixão por exemplo
solidariedade em vez de rebanho
fazer nossos através de actos
esses conceitos

Homem
animal que tem coragem cívica
Homem
animal que conhece a compaixão
Homem animal-palavra animal-conceito
Animal
que escreve poemas
poema
que pede impossíveis
a quem passa
urgentemente
irrefutavelmente
como se apregoasse
“Bebe Coca-Cola”


Hilde Domin



[in: "Estende a mão ao milagre", antologia organizada e traduzida por Maria José Peixoto Lieberwirth, Cosmorama, 2008)


ver, sobre a autora

3 comentários:

Angélica Lins disse...

Bela escolha!
Abraço

isabel mendes ferreira disse...

mas que prazer.....aui.

mas que e.maravilhada. fico.


beijo.

dade amorim disse...

Maravihosa Hilde.

Beijo.